quinta-feira, 30 de agosto de 2012

Pastor cheira Bíblia em foto


Membro da Igreja Batista da Lagoinha diz querer ‘atrair jovens para Deus’
Publicado no Jornal OTEMPO em 30/08/2012
Avalie esta notícia » 
2
4
6
8
JOELMIR TAVARES
FOTO: REPRODUÇÃO
Propaganda. Usando a Bíblia, pastor Lucinho imita gesto de usuários de cocaína; imagem recebeu críticas e também muitos elogios
Entre críticas e elogios, o pastor evangélico Lúcio Barreto Júnior, o Lucinho, 40, causa polêmica na internet por causa de uma foto em que aparece cheirando uma Bíblia como se fosse uma porção de cocaína. A imagem, compartilhada por quase mil pessoas nas redes sociais e comentada por pelo menos 400 internautas, foi usada no convite para o culto semanal que o religioso celebra para jovens em Vila Velha (ES).

Surpreso, mas satisfeito com a repercussão, o pastor admite a relação do gesto com o uso da substância química, mas diz que o objetivo foi mostrar que "a pessoa pode inalar a palavra de Deus, que é algo muito melhor do que a droga".

A Igreja Batista da Lagoinha, de Belo Horizonte, à qual o pastor pertence, não se pronunciou oficialmente sobre o caso. Uma assessora disse que a instituição "não apoia nem condena" a atitude do membro, que é pastor há 20 anos e já atuou também na Igreja Batista Getsêmani.

Divulgada pela Missão Praia da Costa - grupo religioso de Vila Velha onde há três anos mais de 1.500 jovens se reúnem todas as quartas-feiras para ouvir o pastor no evento chamado de Quarta Louca por Jesus -, a foto foi atacada no Facebook por ser supostamente "desrespeitosa" e "apelativa", além de dar a entender que o livro sagrado seria um entorpecente.

Por outro lado, um grande número de pessoas - principalmente as que seguem o religioso - se manifestaram favoráveis ao anúncio. "Amei a foto e entendi a mensagem", escreveu uma moradora de Vila Velha.

Para o pastor presidente da Missão Evangélica Praia da Costa, Simonton Araújo, a imagem faz parte da estratégia da igreja de se comunicar com os jovens. "Na foto, ele (Lucinho) só está cheirando a Bíblia, não há nada sobre ela", afirmou. "Espero que possamos ter ideias cada vez mais criativas e revolucionárias para alcançar quem está mal".
MINIENTREVISTA
"Já fiz coisas muito mais radicais"
Qual foi o objetivo do senhor ao fazer a foto? Tirei essa foto há mais de um ano e não sabia que ela seria publicada agora. A foto significa: seja feliz de cara limpa. É uma mensagem aos usuários de droga.

O senhor não previu a polêmica? Sim, mas não me arrependo. Já fiz coisas muito mais radicais com a Bíblia. Andei com uma debaixo do braço 24 horas por dia e comi as páginas de outra durante uma pregação.

Como o senhor está lidando com as críticas? Não houve desrespeito ao texto sagrado. Milhares de jovens estão me apoiando. Se eu estivesse cheirando uma pessoa ou um prato de comida, ninguém me criticaria. Mas nem Jesus conseguiu agradar a todos. (JT)

Um comentário:

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir