quarta-feira, 1 de agosto de 2012

Caminhão arrasta nove veículos e deixa três feridos no Anel Rodoviário



Acidente ocorreu depois veículo de carga perdeu os freios
01/08/2012 09h02
FOTO: REPRODUÇÃO/TVGLOBO
Acidente causou grande congestionamento no sentido Vitória do Anel
Três pessoas ficaram feridas após terem seus carros de passeio arrastados por um caminhão carregado com 18 toneladas de areia na manhã desta quarta-feira (1º) no Anel Rodoviário. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, o veículo de carga perdeu os freios na altura do bairro Buritis, na região Oeste de Belo Horizonte. Em seguida, o caminhão colidiu em dois carros e, no bairro Betânia, palco de diversas tragédias em datas anteriores, arrastou uma Kombi. Já no bairro das Indústrias, um  Volkswagen Fox e um Ford Focus foram atingidos pelo caminhão, que ainda colidiu na traseira de uma carreta. Com a colisão traseira, os dois pneus dianteiros do veículo desgovernado estouraram e um ônibus e mais dois carros foram atingidos. Na hora do acidente, o coletivo estava indo para a garagem e só havia o motorista e o cobrador dentro do veículo.
Segundo os policiais, os feridos são passageiros do Volkswagen Fox e do Ford Focus. Entre as vítimas, que foram encaminhadas ao Hospital Pronto Socorro João XXIII, há uma criança.

Devido ao acidente, o fluxo de veículos ficou permitido apenas em uma faixa no sentido Belo Horizonte/Vitória. O trânsito ficou bastante lento nesse trecho do Anel, onde todas as pistas foram liberadas por volta das 9h30.

Na hora do acidente, o condutor do caminhão, de 23 anos, vinha de Moeda, na região Central de Minas Gerais.

2 comentários:

  1. Numa boa, eu transito constantemente pelo anel, exatamente no local do acidente, e afirmo, a culpa por tudo, normalmente, é do motorista, pois o anel é pista dupla, bem sinalizado, iluminado e de baixa velocidade, o problema maior é o desrespeito a velocidade, conclusão disto é simples, após colocar mais radares o número de ocorrências diminuiu mais de 80%. E aí, a culpa é do anel? Não, é do motorista, principalmente o Mineiro, que para mim é o pior deste País, é mal educado, não dá seta, não respeita o próximo e nem as normas de trânsito.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Apenas para concluir, eu sou Mineiro, nascido em Belo Horizonte

      Excluir